Treinamento da Lei Geral

Foi realizado em Brasilia -DF no Kubitschek Plaza, nos dias 15\01 e 16\01, o curso de capacitação dos instrutores da LEI GERAL, que contou com a participação de 110 Instrutores da Lei Geral do Brasil, sendo o Maranhão representado pelos Sr. Hélio R. Araújo de Imperatriz e Heraldo Campelo de São Luis, já foram realizados treinamentos no Brasil inteiro com 23.000 Profissionais de contabilidade e a meta é fazer mais 12.000 treinamentos no Brasil todo, foram disponibilizadas as seguintes palestras:

Palestrante                                                Tema                                                                                         Entidade                                      .

André Spinola                                            Evolução da Regulamentação                                                   Diretor Sebrae Nacional

Carlos Victorino                                         DAS – Conflito ICMS                                                               Diretor Fenacon

Silas Santiago                                           Enquadramento e CNAE                                                         Secretario- executivo do CGSN

William R. de Brito                                     Compras Governamentais                                                        Diretor do Sebrae Nacional

Valdir Simão e Gustavo  Hammarlund        Evolução do Cadastro Sincronizado e seu atual funcionamento     Secretário Adjunto da Receita Federal

Ciro Souza                                              Simplificação de procedimento abertura e encerramento               Confederação Nacional dos Municípios 

                                                              das empresas.

Todos os palestrantes foram unânimes em ressaltar as dificuldades práticas impostas por estados e municípios em função da mudança de paradigma, principalmente nas reuniões do Comitê gestor do Simples Nacional (CGSN) e na implementação do Cadastro Sincronizado, a mudança principal diz respeito às situações de compartilhamento de cadastros, fiscalizações e consolidação da legislação, todas as medidas estão sendo tomadas através do consenso unânime dos membros e buscar o consenso é sistemático e trabalhoso.

 

                        Queremos a participação dos colegas no sentido e viabilizarmos o maior numero possível de cursos para a discussão dos temas acima, vamos voltar a nos reunir o mais breve possível, para reativarmos o forum permanente e vamos discutir com as autoridades as mudanças conflitantes no ICMS de quem fez a opção pelo Simples nacional.

Comente